Seguidores

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Dia 20 de agosto, Dia Mundial da Fotografia

20 de agosto - Dia Mundial da Fotografia e do Fotógrafo e da Criação da Imagem através de um orifício à fotografia digitalizada

Foi através da fotografia que o homem encontrou uma das formas mais perfeitas e práticas para gravar e reproduzir suas manifestações culturais.
Por volta de 1554, Leonardo Da Vinci descobriu o princípio da câmera escura, que é o seguinte: a luz refletida por um objeto projeta fielmente sua imagem no interior de uma câmera escura, se existir apenas um orifício para a entrada dos raios luminosos.
Baseados neste princípio, os artistas simplificaram o trabalho de copiar objetos e cenas, utilizando câmeras dos mais diversos formatos e tamanhos. Enfiavam-se dentro da câmera e ganhavam a imagem refletida em uma tela ou pergaminho preso na parede oposta ao orifício da caixa.
Não é difícil imaginar os passos seguintes desta evolução: uma lente, colocada no orifício, melhorou o aproveitamento da luz; um espelho foi adaptado para rebater a imagem na tela; e mecanismos foram desenvolvidos para facilitar o enquadramento do assunto.
Com esses e outros aperfeiçoamento, a caixa ficou cada vez menor e o artista trabalhava já do lado de fora, tracejando a imagem protegido por um pano escuro.
Etimologia
Photo (do grego, quer dizer luz) – Photos – FotoGraphy (do grego, significa escrita) – Graphos – GrafiaPhotographia – Photo Grafia – Fotografia = Luz Desenhada
Portanto, fotografia é desenhar com a luz ou “escrita da luz”. Fotografia é, como resultado final, uma imagem inalterável, criada pela reflexão da luz.
Sua classificação em uma visão geral
A fotografia reproduz o real da forma mais exata possível, pois só consegue “reproduzir” ou “duplicar” uma realidade que lhe é exterior porque opera com conceitos de “reprodução”, “objetividade” e realismo que ela própria cria e perpetua.
No primeiro momento, o uso da fotografia foi controverso, pois, para a maioria, esse processo era uma simples reprodução do real e não um processo criativo ou artístico...
Houve uma divisão entre os defensores do uso da fotografia como criação artística e os que a acusavam de servir de instrumento auxiliar para as artes.
Os primeiros fotógrafos, em sua maioria pintores, desenhistas e gravadores que queriam ampliar suas atividades e aumentar sua produção, optavam por utilizar somente essa técnica na elaboração dos retratos, principal estilo consumido por uma população ávida por se ver eternizada.
Diversos estúdios foram abertos nas grandes capitais, e as cidades menores eram visitadas pelos fotógrafos itinerantes. Por ter um manuseio complicado, a fotografia não era então praticada por amadores, sendo portanto restrita aos profissionais.
Idéia errônea, difundida nos anos 40 e 50, do século XX, por André Bazin, de que a fotografia não pertence ao domínio da cultura, mas ao das ciências naturais, porque é a própria "realidade" que se imprime a si mesma na película. Hoje, não suporta sequer a mais elementar das verificações!
Com a simulação de imagens fotográficas por computador e a possibilidade de manipular infinitamente os dados registrados na película por processos digitais, assistimos a uma demolição definitiva e possivelmente irreversível do mito da objetividade fotográfica, sobre o qual se fundaram as teorias ingênuas da fotografia como signo da verdade ou como reprodução do real...
Dia do Fotógrafo
Muitos comemoram o dia 8 de janeiro como o Dia Nacional do Fotógrafo. Mas há controvérsias... Calendários registram 6, 7, 8 e até 9 de janeiro como Dia do Fotógrafo, da fotografia, Dia Nacional do Fotógrafo e Dia Nacional da Fotografia.
Já no dia 19 de agosto, comemora-se o Dia Mundial da Fotografia. Também há quem afirme que é o Dia do Fotógrafo. E há ainda registros de comemorações no dia 15 de agosto. Já o dia do repórter fotográfico é 2 de setembro...
dia mundial da fotografia = 19/08
dia mundial do fotógrafo = dia nacional da fotografia = 15/08
dia nacional do fotógrafo = 08/01
Controvérsias à parte, foi no dia 19 de agosto de 1839 que a fotografia foi anunciada ao mundo oficialmente, em Paris, na Academia de Ciências da França, consagrando o Daguerreótipo, processo desenvolvido pelo francês Louis M. Daguérre.
Possivelmente, as datas em Janeiro referem-se à chegada do Daguerreótipo no Brasil, fato que aconteceu no primeiro mês do ano de 1840, exatamente no dia 16.
A literatura especializada dá conta diz que o abade Louis Compte trouxe a novidade de Paris para o Rio de Janeiro, e apresentou o daguerreótipo ao imperador D. Pedro II (oficialmente, o Imperador foi o primeiro fotógrafo brasileiro).
Porém, segundo o historiador Bóris Kossoy, houve uma descoberta isolada da fotografia no Brasil, pelo pesquisador Hércules Florence, seis anos antes do anúncio oficial do feito de Daguerre...
Sem conhecimento das pesquisas na Europa, Florence descobriu a fotografia e foi a primeira pessoa a usar o termo, em 15 de agosto de 1832, em Campinas – no interior de São Paulo.
Breve história da fotografia...
Evolução cronológica dos principais registros:
Grécia, antes de Cristo – Aristóteles – Criação da imagem através de um orifício. Século X – Alhazen (árabe) descreveu como observar um eclipse solar no interior de uma câmera obscura. Século XVI – Redução da câmera obscura (auxiliar na pintura). Século XIX (1826) – Joseph Nicephore Niépce (francês) foi a primeira pessoa no mundo a tirar uma verdadeira fotografia - processo heliográfico com 8 horas de exposição à luz. Ano de 1830 – Josef Petzval criou uma nova lente dupla abertura F 3.6 (30 vezes mais rápida que a anterior). 1832/1833 – Hércules Florence descobre isoladamente a fotografia na Brasil - na vila de São Carlos, atual cidade de Campinas (SP). 1835 – Louis Jacques Mandé Daguerre, firmou-se como único inventor da fotografia prática, através de seu - Daguerreótipo - chapa de cobre revestida com prata, banhada com iodeto de prata. Na presença de vapor de mercúrio surge a imagem, gerando um único positivo (era o "polaroid" da época). 1840 – Willian H. Fhox Talbot, descobre o processo negativo/positivo usando como filme folhas de papel sensibilizado (preparado para reagir à luz) que depois foi substituído por vidro. Os negativos de vidro foram usados até os anos 50. 1871 – Richard Leach Maddox, primeira chapa usando gelatina para manter o brometo de prata no lugar. 1877 – George Eastman, popularizou a fotografia com a criação do filme flexível (em rolo), que tinha o nome de "American Film" e vinha com 100 poses. 1925 – Lançamento da câmera 35mm (Leica)...

3 comentários:

Fragmentos meus disse...

"...Olha que isso aqui ta muito bom, isso aqui tá bom de mais..."

A arte não está sendo tecida só na rede, está tecendo os corações dos
que passam por aqui!Amei!



Karoliny Santér

Tudo disse...

Hummm...
Olá, Acho que vai gostar disso aqui:

http://tdpersonalizado.blogspot.com

Tem coisas liiiiiiiiiiiiiindíssimas!

Beijos

Dolores Quintão Jardim disse...

Lindo!que bom poder olhar e ler..

Que bela matéria!

parabéns querida!

Tecendo Arte na Rede,tudo de bom!


Adorei!